Você sabe como fazer o cronograma de seu projeto?

Toda crise traz oportunidades (2)

Cronogramar seus projetos em tempo ágil é um dos principais recursos, pois é ele quem vai determinar quando a atividade deve iniciar e encerrar de maneira lógica e sequencial, garantindo assim que o projeto seja entregue dentro do prazo estipulado.

Porém, para você elaborar um cronograma de projetos, vai depender de diversos fatores, como por exemplo, iniciativa de começar e recursos necessários para levar até o fim.

Pronto, acompanhe a lógica de práticas de um bom cronograma de projetos e garanta a realização do projeto dentro do prazo estipulado, e quem sabe até antecipado.

Está achando complicado e sem lógica?  Pois neste post você vai mudar o seu pensamento e ver que é mais fácil do que se imagina.

O que é um cronograma e por que preciso de um?

O cronograma é nada mais nada a menos que uma ferramenta de gestão de atividades, no qual completa o tempo em que suas atividades vão ser realizadas.

Ele é a ferramenta principal de auxílio para medir o desempenho de si mesmo como de toda a equipe, estipulando o tempo de cada atividade, garantindo assim, maior confiabilidade ao projeto e sucesso do mesmo.

O timesheet, é um ótimo aliado para você, pois, ele controla as horas gastas para o desenvolvimento de qualquer projeto, permitindo assim, o reporte e controle de horas trabalhadas pelas pessoas envolvidas nos mais variados projetos.

A partir do momento em que as informações são expostas no cronograma, é possível verificar o tempo gasto em cada atividade, bem como verificar a produtividade do time em geral e se existe motivos para interceder caso seja detectado algum atraso.

Com o seu cronograma organizado, você consegue detectar quando um profissional está disponível para assumir uma nova tarefa e/ou se sua equipe precisa de novos colaboradores para exercer a atividade atribuída, pois o cronograma ajuda a detectar se a carga de trabalho de sua equipe está realmente adequada.

É importante aprimorar o desempenho da equipe, utilizando o máximo de recursos possíveis e disponíveis, para que aumente o desempenho na execução, impactando assim, na qualidade do produto final, que é o seu maior objetivo.

Para manter o seu cronograma, você precisa definir o propósito do seu projeto, ou seja, o que será e o que não será feito, quais os recursos necessários, o tempo para executar e principalmente o orçamento. Portanto, com um escopo bem definido, você consegue detectar claramente quais as fases necessárias para a conclusão, como por exemplo, que tipo de entrega deverá ser feita a cada etapa e como deve ocorrer.
Está tranquilo até agora? Então vamos continuar?
Que tal construir a sua Estrutura Analítica do Projeto (EAP)? Você sabe o que é EAP?

EAP é um processo de subdivisão das entregas e do trabalho em componentes menores e mais fácil de serem gerenciadas. O maior objetivo é identificar elementos terminais e assim, serve como base para a maior parte do planejamento de projeto.

A EAP consiste no desmembramento do proposito da atividade em que formaram o projeto. Nela, você verifica o nível macro para depois seguir para o micro, listando absolutamente tudo o que deve ser realizado e entregue durante a execução dos trabalhos.

Com o seu EAP pronto, é importante você organizar em grau de relevância e execução, assim, vai ser de grande ajuda para detectar se uma atividade depende da conclusão de uma outra.

Com suas atividades devidamente organizada, vamos apegar-se a duração de cada uma, podendo perguntar para a própria equipe o tempo em que cada um acha que demorara para desenvolver cada atividade a elas concedida ou até mesmo fazer esses cálculos com base em outros projetos equivalentes.

Finalmente vamos construir o nosso cronograma…

 Qual a ferramenta que que você está utilizando? Caso esteja utilizando um software de gerenciamento de projetos, basta você gerar um gráfico de Gantt (serve par ilustrar o avanço das diferentes etapas de um projeto) para acompanhar todo o seu cronograma. Porém, se você estiver utilizando qualquer outro recurso, é necessário que você ordene todas as informações prestadas. Sendo assim, pode ser utilizado o Excel, pois ele possui uma ferramenta para gerar gráfico de Gantt, porém, é necessário que criar uma tabela e inserir todos os dados antes.

É de extrema importante que o cronograma seja constantemente atualizado, pois como dito no início, ele é um dos principais recursos, e caso não seja atualizado, se torna um aliado morto.

A falta de atualização é o que torna um dos principais motivos do atraso do produto, afinal, toda uma equipe deixa de acompanhar, podendo impactar no custo total do projeto e ainda desperdiçar a oportunidade de mercado que o cliente está tentando atingir.

Portanto, utilize essa ferramenta de maneira correta e conquiste bons resultados.

Gostou? Então não deixe de colocar a sua opinião aqui!